Blizzard a Serviço do Regime de Xi Jinping?


#1

Olá, estou postando isso nos fóruns de todos os jogos da blizzard a que eu tenho acesso porque é muito grave, muito importante e envolve a empresa como um todo em si e não apenas um jogo especifico.
Os atos recentes da blizzard em relação ao pró player Blitzchung foram nefandos, covardes e eticamente injustificáveis. Desde então os fóruns EN US estão explodindo em revoltas, notas de repúdio e convites à campanhas de boicote contra a empresa, e é claro que, enquanto o mundo real está ardendo em chamas a comunidade BR está completamente às margens de o que está acontecendo. Desse modo me senti na obrigação de trazer essa discussões aos fóruns oficiais BR.

Basicamente o ocorrido foi que recentemente o pró player Blitzchung morador de Hong Kong durante uma entrevista, em Taiwan, pediu liberdade ao seu país (Hong Kong) contra o regime do ditador Xi Jinping, a entrevista foi imediatamente interrompida e a blizzard penalizou o jogador em questão com 1 ano de banimento. Segundo a empresa, ele feriu o regulamento ao “ferir” a imagem da blizzard com a sua declaração.

Bom, esse é o fato. Agora a discussão:
Fundo Histórico:
Em meados do Século XIX durante o Imperialismo a Inglaterra dominou Hong Kong e um tratado entre o Império Chinês e o Império Britânico transferiu o território para a Inglaterra por 99 anos. No Século XX, ondas migratórias de vítimas do Regime de Mao Tse Tung e de regimes comunistas do sudeste asiático passaram a se refugiar em Hong Kong. Desse modo, sob a jurisdição britânica, Hong Kong passou boa parte do século XX como sendo um porto seguro de liberdade econômica e social em meio a um oceano de ditaduras e autoritarismo.
Entretanto no final do Século XX o prazo de 99 anos expirou e a Inglaterra simplesmente devolveu Hong Kong para a China. No acordo, entretanto, fora previsto que Hong Kong continuaria a ter autonomia para questões políticas, administrativas e culturais por mais algumas décadas.
O Problema:
A grande questão é que, culturalmente Hong Kong é completamente diferente e até mesmo incompatível com a China. Trata-se de um território de cultura de influência britânica, fundado em valores liberais e que serviu de abrigo para refugiados de regimes autoritários e ditatoriais do Extremo Oriente, refugiados esses que em boa parte ergueram Hong Kong como a potencia econômica que é hoje. Ou seja, em outras palavras poder-se-ia dizer que Hong Kong é uma terra de cultura liberal e de refugiados e filhos de refugiados de regimes comunistas, mas que por conta de acordos diplomáticos entre a Inglaterra e a China, hoje encontra-se com a sua liberdade ameaçada.
Para piorar, recentemente, o Regime de Xi Jinping tentou uma manobra política baixa visando acabar com a liberdade de Hong Kong. Trata-se da lei de extradição em que, pessoas em Hong Kong poderiam ser extraditadas para a China, julgadas e condenadas pelo regime de Xi Jinping. Só para elucidar para quem talvez não esteja muito familiarizado com a questão, o Regime do ditador Xi Jinping prende opositores em campos de concentração, em alguns casos mais extremos os condenados são mortos e há denuncias de que as vitimas sejam submetidas a doação forçada de órgãos. Há uma intensa perseguição a grupos minoritários do interior da China que são obrigados a passar anos em campos de “reeducação” onde são submetidos a tortura e maus tratos. A censura em meios de comunicação é fortíssima, e recentemente o ditador Xi Jinping elevou a coisa ao nível distopia cyberpunk com sistemas de vigilância e controle sociais que literalmente monitoram e classificam a vida cotidiana das pessoas em rankings de “o quão favorável ao partido a pessoa é”, algo como o sistema de reputação do WOW, quanto mais reputação com o partido a pessoa tiver, mais direitos e benefícios ela recebe, quanto menor a reputação, mais dificuldades ela vai ter no dia a dia, se a reputação for baixa demais, bom… os campos de concentração do Xi Jinping estão aí para isso.
Então voltamos a questão, o pró player de Hong Kong Blitzchung pediu liberdade à Hong Kong que atualmente encontra-se com tropas chinesas na fronteira, forças de choque espancando manifestantes, atiradores nos telhados dos prédios e um verdadeiro cenário de guerra civil iminente. Então, para não se “queimar” com o ditador Xi Jinping que por exemplo, poderia decretar a ilegalidade dos jogos da blizzard na China, a blizzard covardemente, penaliza o pró player que pede liberdade para o seu povo e se posiciona ao lado do ditador da China.
Parabens viu blizzard, dessa vez vocês se superaram, sério, jogo os jogos da empresa e acompanho notícias a quase 10 anos e nunca vi nada igual. Agora vocês chegaram ao fundo do poço mesmo, não da para cavar mais, é o limite, é o fim, é a decadência. Vocês jogaram no lixo, no esgoto, qualquer senso de ética remanescente em prol de engordar a carteira. Trocaram a ética pelo direito de explorar o bilionário mercado chines. Os seus executivos e funcionários, a noite quando forem dormir, podem se preparam para deitar a cabeça em um travesseiro de sangue, pois a partir de agora, o sangue de cada pessoa de Hong Kong vai respingar em vocês.

Bom, fica a minha nota de repúdio, pode me derrubar o post e me dar ban, afinal, o que é censurar um fórum quando se apoia a censura promovida pelo regime Chinês? Vocês só estariam mostrando como foram bons alunos, o tio Xi vai ficaria orgulhoso, tenho certeza, então vão enfrente, mandem ver, censurem o fórum, dem ban nos jogadores, provem, demonstrem para todo mundo que vocês da blizzard não só apoiam o regime chinês porque são gananciosos, mas também porque compactuam com ele e com os seus métodos.

Se você player, que está lendo também se revoltou, ajude Hong Kong e Blitzchung repostando esse tópico nos fóruns do WOW e HS (que eu não posso acessar) e também deixando a sua própria nota de repúdio!!

Depois dessa, para mim a blizzard morreu.


#2

AUHuhuhahuahua, acho bem cômico esses “boicotes”… Óbvio que a china como um todo falta muito pra realmente ir pelo caminho democrático mas ver essa indignação de brasileiro chega a ser surreal…

Os caras falam como se o Brasil não estivesse beirando um Irã no final dos anos 70.
Quer ver exemplo? 7 em 10 casos de abuso sexual de crianças ocorre em casos vinculados a pessoas próximas, ou seja, parentes, vizinhos e pessoas que convivem com a vítima.

Uma das maneiras mais eficientes de se lidar com isso é fornecer educação sexual pois o conjunto de ferramentas permite crianças identificar o que é certo e o que é errado e realizar denúncias. Aí você entra no brasil de 2018 com o bolsonarismo e projetos como o tal do escola sem partido que quer BANIR por definitivo toda a educação sexual de ensino e deixar justamente a cargo de quem? Da família! Quer dizer… joga-se a responsabilidade para uma população com baixo nível de instrução e educação, facilita a vida de abusadores e predadores sexuais e entrega pra eles em nome de um moralismo vazio tudo o que sempre sonharam. Uma política regada de moralismo, fascismo e extremismo religioso de um nível perverso e cruel em proporções surreais. Se acha que isso é besteira… recomendo telefonar atrás de conselho tutelar do seu município e ir atrás de pessoas que lidam com essa situação. E tá aí o resultado… o brasileiro afundado em ignorância e dogmatismo facilitando até abuso sexual enquanto se sente um paladino!

Se teve uma eleição guiada por propaganda direcionada, produção de fake news e tudo que coisa bizarra oriunda de meios e plataformas privadas capitalistas como facebook, instagram, twitter, whatsapp e todo o resto… Foi essa de 2018 no Brasil. Foi uma das coisas mais medonhas que já vi na vida.

O negócio é tão surreal que a quantidade de brasileiros que realmente acreditam que se vive em um regime socialista ou comunista é gritante. Pura balela. Brasil nunca foi e nem chegou perto desses modelos… se saiu de uma ditadura de direita, foi eleito governos de direita, com amplas reformas de direita e se vive em um país de direita com índices bizarros graças a esses modelos patrimonialistas e aristocráticos presentes desde antes da abolição da escravidão. Se teve 3 governos com algumas políticas públicas com foco social e apenas isso, e mesmo assim, ao mesmo tempo em que o pt contribuiu pra essas políticas públicas, deu incentivos fiscais, isenções, fez tudo e mais um pouco junto com uma pequena elite que sempre esteve aí…

Então… qual é o sentido em fazer tanta birra por conta do que acontece em hong kong ao ponto de querer boicotar uma empresa relativamente tosca como a blizzard e que não tem quase nada de impacto em mudanças substanciais?

E qual é a viagem mental que se faz pra justificar as atrocidades feitas atualmente no Brasil fascistoide e tudo sendo empurrado na base da mentira e dos amigos do rei atualmente? O que falar da vale que matou mais de 300 pessoas, causou um prejuízo na casa do trilhão e NINGUÉM da empresa foi preso ou nada de pagar o estrago?

Quer dizer… ditadura opressora é ser banido de joguinho mas ignorar a carnificina da vale do rio doce em brumadinho e mariana e eles se safarem é “democracia”, ou quem sabe a postura do atual animal na presidência e o ministro condenado por fraude ambiental é realista com o problema do óleo no nordeste?

Quando esse pessoal reclama e pede boicote e não consegue nem fazer uma leitura condizente com o país que vive… não tem nem como levar a sério…

Pelo amor cara… elegeram um presidente que tem como exemplo moral um torturador… O tal do paulo guedes quando questionado sobre o Pinochet só soltou “foi um experimento interessante”, então… essa indignação toda enquanto se vive em um regime semi ditatorial aristocrático, migrando pra uma corporocracia com lavagem cerebral tendo com base o patrimonialismo. Lugar onde quebrar vidraça de banco é considerado um ato “terrorista” enquanto matar gente todo dia sistematicamente é algo “normal” me leva a ver essa reclamação como uma besteirada sem fim.

Reclamar de falta de democracia em um país que anda migrando pra algo bem mais democrático nas últimas décadas enquanto se vive em um país que teve um pontapé inicial na democracia entre 88 e 2013 e agora caminha rumo a ditadura e perseguição me soa tão estridente e forçado…

Só hoje mesmo vi um vídeo da tal Bia Kicis com uma coisa patética e fabricada em fundo de quintal, tentando induzir ligação entre milicianos, FARC, lula, esquerdas e Bolívar. A coisa era tão patética e sem noção que até ela mesma deletou o vídeo… e é esse o Brasil que se vive… onde nada mais faz sentido e muito menos o apreço a apuração de dados… é uma enchente diária orquestrada pelo governo com o único objetivo de esconder a sua própria incompetência e culpar qualquer um que se opor ao mesmo…

Fora as alegações do óleo no nordeste tentando culpar ONGs e o greenpeace.